SUCO ROSA – O MELHOR ALIADO DA SUA SAÚDE

Imagem

Depois do suco verde, agora a moda é o suco rosa. A grande estrela da vez é a beterraba que, segundo estudos feitos na Europa, melhora o desempenho físico e colabora com a recuperação muscular.

Ela tem óxido nítrico, que ajuda na absorção mais eficiente de nutrientes, pois aumenta o fluxo do sangue e reduz a pressão arterial. A beterraba também é rica em vitamina A, que auxilia no bom funcionamento da visão, vitaminas do complexo B, que são importantes para o sistema imunológico, ácido fólico, que tem relação com a boa formação fetal, e vitamina C, que é antioxidante e faz bem para o sistema imunológico.

E as calorias são poucas: 100 gramas têm apenas 43 calorias. A melhor opção é consumi-la crua, pois o calor eleva a concentração de açúcar natural e quebra as fibras.

O recomendado é que o suco seja ingerido pelo menos uma hora antes ou após o exercício físico.

Confira quatro opções de receitas:

1 . Junte metade de uma beterraba grande, uma colher de sopa de goji berry, uma colher de sopa de framboesa, um copo de água de coco e 50 ml de suco de laranja ou de maracujá. Bata tudo no liquidificador e beba na hora para não perder as propriedades, de preferência, sem adoçar.

2 . Bata no liquidificador uma fatia média de beterraba, meia xícara de chá de frutas vermelhas de sua preferência (morango, framboesa, etc.), 50 ml de suco de uva integral, uma colher de sopa de goji berry e um copo de água de coco. Beba logo após o preparo, de preferência, sem adoçar.

3 . Junte uma colher de sopa de beterraba, uma colher de sopa de semente de romã, 1 colher de sopa de mirtilo, 50 ml de suco de uva integral, um copo de água de coco e hortelã a gosto.  Beba na hora para garantir as propriedades.

4 . Bata no liquidificador uma beterraba grande descascada e picada, com o suco de quatro laranjas, coe e beba em seguida.

 

Por: Rosana Jatobá

       Universo Jatobá

TRÊS SUCOS DESINTOXICANTES ALIVIAM O ESTUFAMENTO APÓS AS FESTAS DE FIM DE ANO

Imagem

O dia seguinte às Festas de Natal e Ano Novo é marcado pela sensação de estufamento do estômago entre as pessoas que exageraram no prato. Provocado pela grande ingestão de alimentos ricos em gorduras como carnes gordas, rabanada e açúcares, o desconforto estomacal pode ser aliviado com sucos desintoxicantes feitos em casa, à base de frutas e verduras.

“Os alimentos que fermentam no estômago liberam gases e, por consequência, provocam uma sensação de estufamento durante um tempo após a ingestão do prato. Até a farofa com bacon e o arroz com creme de leite podem provocá-lo”, diz Amilton Macedo, médico com prática em oxidologia. Para aproveitar o restante do feriado numa boa, aprenda, a seguir, três receitas de sucos que prometem aliviar o mal-estar.

 

Suco verde

Ingredientes

250 ml de água de coco
1 folha de couve
1 fatia de abacaxi
½ maçã
1 colher (de sobremesa) de gengibre

Modo de preparo

Higienize todos os ingredientes e, em seguida, bata-os no liquidificador. Beba na sequência, não reserve para outro momento para não perder as propriedades digestivas da receita.

 

Suco de efeito digestivo

Ingredientes

1 kiwi firme
1 maçã verde
1 cacho pequeno de uvas
250 ml de água

Modo de preparo

Passe todas as frutas na centrífuga, acrescente a água e beba.

 

Coquetel de cascas e hortelã

Ingredientes

15 folhas de hortelã
2 limões
Um copo de água
Cascas de frutas cítricas secas
Mel a gosto

Modo de preparo

Descasque laranja, lima da pérsia e limão e leve as cascas para secar ao ar livre na sombra. Depois de secas, corte em pedacinhos com uma tesoura. Logo depois, bata-os no liquidificador com a hortelã, o suco dos limões e um copo de água. Em seguida, beba.

 

Via: Cibele Santos – Nutricionista, Taróloga e Terapeuta Xamânica.

 

 

ROMÃ – A FRUTA DA SORTE E DO AMOR

Imagem

Algumas pessoas dizem que ela traz dinheiro, outras, que é a fruta do amor. Mas os benefícios da romã vão muito além das superstições. Ela é rica em vitamina A e em vitaminas do complexo B, além de ser uma excelente fonte de ferro e cálcio.

A vitamina A (betacaroteno) é essencial para a visão e saúde da pele, e também tem função na reprodução e desenvolvimento embrionário. As vitaminas do complexo B são importantes para manutenção da saúde mental e emocional e fundamentais no metabolismo energético; o ferro é essencial no transporte de oxigênio no organismo, na síntese de DNA, no metabolismo energético e na prevenção e tratamento de anemia ferropriva (causada pela deficiência de ferro); já o cálcio é fundamental na saúde óssea e contração muscular.

De acordo com a médica nutróloga Cristiane Coelho, da Abran (Associação Brasileira de Nutrologia), existem dois tipos de romãs: a vermelha, que possui uma grande quantidade de sementes e um pequeno mesocarpo (parte carnosa), e a amarela, com um pequeno número de sementes e um grosso mesocarpo, tipo mais comum no Brasil.

“Do ponto de vista nutricional, existe apenas uma e importante diferença em relação à amarela: a romã vermelha possui uma quantidade significativa de ácido elágico, importante antioxidante (presente nas frutas vermelhas, as berries), muito eficaz no combate dos radicais livres”, explica, acrescentando: “A casca da romã, tanto a vermelha como a amarela, é rica em ácido elágico, um poderoso antioxidante que ajuda na prevenção da obesidade e de diversos tipos de câncer”.

Casca redonda

Para aproveitar melhor seu sabor e benefícios, o ideal é optar sempre pela casca redonda e firme, pois as abertas podem sofrer oxidação e contaminação. “É importante também não utilizar sementes amarronzadas ou amareladas (elas são adstringentes), somente as mais rosinhas”, diz Coelho. Vale lembrar que as romãs frescas podem durar até um ano no congelador e, por possuir casca dura, têm vida longa, resiste a choques, podendo ser transportada sem se machucar.

A nutricionista Camila Abreu, professora do Curso de Nutrição da Faculdade Santa Marcelina, diz que para aproveitar ainda mais os benefícios da fruta pode-se bater no liquidificador a casca, as sementes e a polpa com um pouco de água, coar e beber em seguida. Outro jeito é friccionar os grãos numa peneira para extrair o suco ou consumi-los juntamente com folhas verdes ou na salada de frutas. Além do modo tradicional, separando, manualmente, a semente da parte branca e consumindo na sequência.

“Apesar de todos os benefícios da romã, não existe um alimento perfeito, completo e que tenha todos os nutrientes necessários ao organismo”, ressalta Abreu. “Uma alimentação saudável, variada e colorida, é necessária para o bem-estar de qualquer ser humano, afinal um cardápio equilibrado é capaz até de atenuar os malefícios dos radicais livres na saúde, associado sempre a um estilo de vida saudável”, completa. 

Crendices e simpatias

A romã sempre foi uma fruta comum e presente no cotidiano do Oriente Médio. Possivelmente pelo fato de a mesma possuir todas aquelas sementes comestíveis em seu interior, os gregos passaram a associá-la ao amor, virilidade e fecundidade. A romãzeira, na mitologia grega, é uma árvore consagrada à Afrodite (deusa do amor), e até hoje, os gregos acreditam que a fruta possui propriedades afrodisíacas.

Não se sabe de onde e nem como surgiu a lenda de que a romã dá sorte, mas de acordo com Frederico Cesarino, mestrando em Sociologia pela Universidade Federal do Amazonas e pesquisador da relação entre os homens e os vegetais, ela é provavelmente a única fruta com essa configuração de sementes com polpa comestível.

“Essa propriedade física da fruta (sementes em abundância), faz com que cada povo a interprete da forma que lhe convier, e a relacione com aquilo que mais lhe importa: hebreus a veem como prosperidade financeira, romanos a viam como prosperidade bélica (tirava o azar nas guerras, politica e construções) e gregos a relacionam com o amor.

São várias as simpatias que estão relacionadas com essa fruta e praticamente todas falam de amor e prosperidade (herança dos gregos, romanos e árabes e judeus do oriente médio). Apesar de muitos fazerem simpatias com a fruta na virada do ano, a mais conhecida é para ser feita no dia dos reis magos (6 de janeiro):

Pegue uma romã e retire nove sementes, pedindo aos três reis magos, Baltasar, Belchior e Gaspar, que nesse ano que se inicia você tenha muita saúde, amor, paz e dinheiro. Depois, pegue três das nove sementes e guarde na carteira para que nunca lhe falte dinheiro. As outras três você engole. E as últimas três que sobraram você joga para trás, fazendo o pedido que desejar.

“O fato de guardar as sementes na carteira está mais relacionado ao fato de as sementes representarem prosperidade, mas o bom cheiro delas ajuda a prosperar a tradição, apesar de não ser este o motivo”, completa Frederico.

 

Por: Julia Contier

MANTENHA A MEMÓRIA EM DIA CONSUMINDO OS ALIMENTOS CORRETOS

Image

A fisetina é uma substância que se encontra no morango, pêssego, uva, kiwi, tomate, maçã e também na cebola e espinafre. Segundo o Instituto Salk, na Califórnia (EUA), essa substância vem sendo considerada fundamental para manter a memória jovem, porque sua função é estimular a formação de novas conexões entre os neurônios (ramificações) e fortalecê-las. Os alimentos deste grupo contêm substâncias que facilitam a comunicação entre os neurônios, aumentando também a capacidade de pensar, se concentrar, aprender e memorizar. Confira abaixo alguns nutrientes e minerais amigos do cérebro

– Zinco, Selênio, Ferro e Fósforo: Sais minerais que participam de inúmeras trocas elétricas e mantêm o cérebro acordado e ativo (elétrico). Presente em todas as sementes e grãos, em raízes e nas folhas verde escuro, iogurtes.

– Vitamina E: Poderosa ação antioxidante. Presente em todas as sementes e grãos, como também em óleos vegetais prensados a frio.

– Vitamina C: Famosa ação antioxidante. Presente nas sementes frescas e cruas que foram pré-geminadas, assim como na maioria das frutas

– Vitaminas do complexo B: Regulam a transmissão de informações (as sinapses) entre os neurônios, presente nas sementes e nas fibras dos alimentos integrais e proteínas. 

– Bioflavonoides: São polifenois com forte ação antioxidante. Além das sementes, são encontrados também no limão, frutas cítricas, uva e nas folhas verde escuro. 

– Colina: Participa da construção da membrana de novas células cerebrais e na reparação daquelas já lesadas. Presente na gema do ovo e em todas as sementes e grãos (predominância na soja), como também em óleos vegetais prensados a frio. 

– Acetil-colina: Um neurotransmissor, fundamental para as funções de memorização no hipocampo. Presente na gema do ovo e em todas as sementes e grãos (predominância na soja), como também em óleos vegetais prensados a frio. 

– Fitosterois: Estimulante poderoso do sistema de defesa do organismo, reduzindo proliferação de células tumorais, infecções e inflamações. Presente em todas as sementes e grãos, como também em óleos vegetais prensados a frio. 

– Fosfolipídeos (entre eles a Lecitina): Funcionam como um detergente, desengordurando todos os sites por onde passa. Além disso, participam na recuperação das estruturas do sistema nervoso e da memória. Presente em todas as sementes e grãos (predominância na soja), como também em óleos vegetais prensados a frio. 

– Ômega-3: Funciona como um antiinflamatório poderoso, evitando a morte dos neurônios. Existem somente três fontes: os peixes de águas frias e profundas e as sementes de linhaça e prímula. 

– Carboidratos: A glicose é a energia exclusiva do cérebro. Por isso, ficar muito tempo sem comercarboidratos diminui a atividade mental. Carboidratos complexos (pão, batata, grãos) são absorvidos mais lentamente, fornecendo energia de forma regular. Já o açúcar dos doces é absorvido tão rapidamente que é armazenado como gordura, sem fornecer energia de modo constante. 

– Cafeína: É um potente estimulante do sistema nervoso central. Tem efeitos positivos, como aumento da disposição física e diminuição do sono. Em excesso, causa danos à memória. Café e chá verde. 

– Triptofano: Aminoácido que atua no sono e na performance cerebral. Pode ser encontrado no leite, queijo branco, nas carnes magras e nozes. 

 

Por: Daniela Cyrulin – Nutricionista 

8 MOTIVOS PARA CONSUMIR AÇAÍ AINDA HOJE

Imagem

Açaí: planta medicinal com efeito antioxidante, vasodilatador, antiinflamatório, tônico, energético, entre outros. Seu uso interno é indicado principalmente na prevenção de doenças cardíacas e derrames. Também é utilizado externamente, geralmente  em produtos cosméticos.

Efeitos – propriedades
A ação principal do açaí é de antioxidante, devido principalmente à presença das antocianinas. Este efeito antioxidante é responsável pela ação anti-inflamatória e da melhora do perfil lipídico (aumentar o colesterol bom e diminuir o ruim).

Outros efeitos do açaí são: saciedade, , fortalece o sistema imunológico, tônico natural, vasodilatador, reposição energética e fonte de ferro.

Apesar de agir diminuir a resistência insulínica, existem dúvidas sobre se a planta auxilia ou não no tratamento de diabetes, devido à alta quantidade de glicose presente em sua composição. Desta forma, ainda não existe um consenso sobre estes efeitos e uma possível indicação.

8 Motivos para você consumir açaí ainda hoje! 

 

1. AÇAI O FRUTO REJUVENESCEDOR

Fruto rejuvenescedor, capaz de retardar o envelhecimento por sua alta dose de antioxidantes. O açai contém antioxidantes, conjunto heterogêneo de substancias composto por vitaminas, minerais, pigmentos e enzimas que combatem radicais livres. Em estudo realizado pela Universidade da Flórida, pesquisadores mostram que o açai tem a capacidade de combater células cancerígenas em até 86% de eficácia. O consumo regular do açai pode reduzir drasticamente doenças cancerígenas e entre outras causadas por radicais livres.

2. AÇAI COMO ACELERADOR MUSCULAR

O fruto do açai possui alto teor de proteínas. As proteínas têm como uma de suas funções a formação de aminoácidos, o principal construtor muscular. Outra importante função das proteínas é a contribuição para a produção de anticorpos (células de defesa do organismo), fortalecendo o sistema imunológico e aumentando a capacidade de combater infecções.

3. AÇAI REDUTOR DE COLESTEROL

Em estudo realizado pela Universidade Federal do Pará, pesquisadores apontam abaixo colesterol em pessoas com consumo regular de açai, comparadas a não consumidores. A diminuição do mau colesterol deve-se ao corante do açaí, a antocianina, também presente em uvas e alimentos com a coloração roxa. Mas para se ter uma idéia, um litro de açaí tem até 35 vezes mais antocianina do que um litro de vinho tinto.

4. AÇAI = A CÁLCIO = A OSSOS FORTES

O açai possui alta concentração de cálcio, essencial para formação dos ossos e dentes, portanto muito recomendado para crianças. Para os adultos a quantidade diária recomendada ajuda a prevenir doenças como a osteoporose e a hipertensão.

5. AÇAI FONTE DE ENERGIA PARA ATLETAS

Muito consumido por atletas, o açai contém alta concentração de carboidratos, essenciais para pratica de qualquer esporte. Aliado ao aminoácido o açai tem a função de regeneração muscular, ideal para manter o condicionamento físico apôs a atividade.

6. AÇAI COM OU SEM AÇÚCAR

Para residentes de São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais entre outros estados, o açai é naturalmente consumido com xarope de guaraná, forma doce de saborear suco de açai,creme de açai, sorvetes e entre outros cardápios populares. Não deixe de ler também:10 Fantásticas receitas de creme de açai a conhecer, onde receitas doces poderão incrementar seu consumo. Já popular em Regiões nativas do açai, ele é pode ser tradicionalmente consumido em pratos típicos, como em peixe, farinha e entre outros pratos salgados.

7. O AÇAI É AFRODISÍACO

Nativos da região Amazônica garantem que o açai pode e deve ser usado como afrodisíaco. Pesquisa já realizada, receita o açai para casais com dificuldades em engravidar, bem como homens com problemas de impotência. Para homens nada melhor que regularmente consumir um copo ou tigela de açai, para manter em dia seu apetite sexual.

8. EVITE CÂIMBRAS, COMA AÇAI

Com alta concentração de potássio, o açai pode ser fundamental ao combate a câimbras. Em conjunto com boa ingestão de líquidos durante a atividade física, este alimento energético pode reduzir por completo, as dolorosas câimbras causadas por desidratação.

Fonte: Sua Saúde

MAÇÃ : A MEDIDA CERTA DA SUA SAÚDE

451

Nenhuma outra fruta é tão presente no imaginário popular quanto a maçã. Da mitologia grega aos contos de fadas, das histórias de Guilherme Tell às teorias de Isaac Newton, ela está em todas. E a julgar pelos mais recentes estudos, não deveria faltar também na mesa do brasileiro. Uma pesquisa da Universidade da Flórida (EUA) afirma que comer uma maçã por dia evita o acúmulo de colesterol ruim, o LDL, nos vasos sanguíneos em até 25%. Outro estudo, desenvolvido pela Universidade da Pensilvânia (EUA), revela que comer uma maçã 15 minutos antes das refeições é cinco vezes mais eficiente que tomar inibidor de apetite. Do outro lado do Atlântico, pesquisadores do Instituto Nacional de Coração e Pulmões (Grã-Bretanha) garantiram que beber suco de maçã ajuda a prevenir crises de asma. Mas comer uma maçã por dia não ajuda apenas a controlar o colesterol, a moderar o apetite ou a evitar asma. Combate, também, doenças cardiovasculares, reduz o risco de diabetes e melhora a função digestiva. “A maçã não chega a ser uma fruta completa. Mas é daquelas que não podem faltar na nossa alimentação. A variação é muito importante, uma vez que cada fruta tem um particular nutracêutico”, afirma o nutrólogo Edson Credidio, da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp).

Vitaminas da maçã

A exemplo de tantas outras, a maçã também é rica em vitaminas, como as A, B, C e E, e sais minerais, como potássio, ferro e cálcio. A diferença é que o fruto da macieira contém duas substâncias para lá de especiais: a pectina, uma fibra que, encontrada na casca, modera o apetite porque dá sensação de saciedade, e a quercetina, um antioxidante que está presente na polpa e ajuda no combate ao envelhecimento das células do sistema imunológico. “No primeiro caso, a maçã evita a ingestão exagerada de alimentos. No segundo, protege o organismo dos danos causados pelos radicais livres”, explica a nutróloga Luciana Carneiro, da Associação Brasileira de Nutrologia (ABRAN). E o que é melhor: a maçã ainda oferece baixas calorias. Cada 100 g contém apenas 56 kcal. Mais importante do que guardar nomes esquisitos, é lembrar, sempre que possível, de comer a maçã com casca. Segundo a nutricionista Jocelem Salgado, da Universidade de São Paulo (USP), é nela que se concentram as substâncias que oferecem benefícios ao nosso organismo. “Extratos retirados da casca da maçã inibiram o crescimento de células do câncer de fígado em 57% dos casos”, justifica a nutricionista, acrescentando que a maçã é considerada, também, uma espécie de “escova de dente natural”.

Fonte: Revista Uol

ÁGUA DE BERINJELA – JÁ TOMOU SUA DOSE HOJE?

Imagem

Você já ouviu falar da água de berinjela? Além de ajudar a emagrecer, ela diminui o nível do colesterol ruim no sangue. A berinjela é rica em fibras e quando imersa na água, ela libera uma substância chamada saponina, que é responsável por eliminar a gordura do organismo.

Muitas mulheres estão tomando água de berinjela para combater a celulite. Agora anote a receita da água de berinjela! Corte 1 berinjela em rodelas, deixe de molho em meio litro de água durante toda a noite. Assim que você acordar, tome 1 copo desta água em jejum e o restante você vai tomando ao longo do dia. Não precisa coar.

É recomendado você trocar as berinjelas todos os dias. Mas não jogue fora, faça uma sopa ou uma lasanha, por exemplo.

Os especialistas recomendam tomar a água de berinjela por duas semanas, fazer um intervalo de uma semana e voltar a consumir. Descubra o poder dos alimentos e cuide da sua saúde e da sua beleza!

Por: Universo Jatobá

Revisão: Cibele Santos – Nutricionista, Tarologa e Terapeuta Xamânica