CHÁ DE ALFAZEMA – INDICAÇÕES E BENEFÍCIOS DESTA INFUSÃO

Imagem

Quando ouvimos a palavra “alfazema”, logo lembramos do perfume tão popular há muito tempo. Mas poucas pessoas sabem que a alfazema é a mesma coisa que a lavanda! Esta planta medicinal é um arbusto de flores azul-violeta lindíssimas, mede de 30 a 80 centímetros e possui um cheiro penetrante e bem aromático – principal característica da alfazema. É conhecida há tanto tempo que até os gregos e romanos a utilizavam em seus banhos, e também teve um importante papel (o principal, na verdade) na expansão e desenvolvimento da arte da perfumaria e cosmética na Europa; mais tarde, viria a ser usada durante a II Guerra Mundial, para limpar os ferimentos dos soldados.

Possuindo uma característica tão forte como o seu aroma, a alfazema acaba passando um pouco despercebida quando o assunto são os chás. O chá de alfazema é cheio de benefícios que merecem mais reconhecimento.

Propriedades do chá de alfazema

  • Analgésica.
  • Antisséptica.
  • Antiemética.
  • Antiespasmódica.
  • Anti-inflamatória.
  • Antiperspirante.
  • Aromática.
  • Calmante.
  • Carminativa.
  • Cicatrizante.
  • Desodorante.
  • Tônica.

Benefícios

  • Alivia dores de cabeça e as temidas enxaquecas.
  • Auxilia no tratamento para gota e depressão.
  • Ajuda quem está com flatulências.
  • Alivia náuseas, congestão linfática, tosses, dores reumáticas, problemas digestivos e problemas menstruais (neste caso, regula a menstruação).
  • Problemas respiratórios como asma e bronquite têm os seus sintomas aliviados e/ou evitados.
  • Problemas circulatórios podem ser aliviados ou combatidos com o chá.
  • Possui um efeito calmante, ótimo para quem sofre de tensão nervosa.

Mas, como toda planta medicinal, a alfazema possui contraindicações e efeitos colaterais. Quanto às contraindicações, deve apenas ser evitado por aquelas pessoas que possuem úlcera. E quanto aos efeitos colaterais, o principal é a sonolência, que ocorre apenas quando são tomadas muitas doses desse chá. O outro efeito colateral é a irritação no estômago, que nem sempre ocorre.

Como fazer o chá de alfazema e dosagem

Você irá precisar de duas colheres de chá de folhas frescas da alfazema e um litro de água mineral:

– Ferva a água pura.

– Quando levantar fervura, despeje sobre as folhas de alfazema.

– Deixe tampado por mais ou menos 10 minutos.

– Coe o chá e beba.

A dosagem recomendada deste chá é de 3 a 4 vezes ao dia, porém, se você possuir tendência para a sonolência, tome menos xícaras (2 a 3 xícaras durante o dia serão suficientes).

Por: Camila Albuquerque

Revisão: Cibele Santos – Nutricionista, Taróloga e Terapeuta Xamânica

3 respostas em “CHÁ DE ALFAZEMA – INDICAÇÕES E BENEFÍCIOS DESTA INFUSÃO

Deixe uma resposta

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s